terça-feira, 18 de dezembro de 2012

PEDOFILIA Músico é preso com imagens de crianças

PEDOFILIA
Músico é preso com imagens de crianças 

Uma investigação realizada por agentes da Polícia Civil no Município de Rorainópolis, no Sul do Estado, para apurar suposto crime de pedofilia contra crianças com idades de 8 a 10 anos, teve seu desfecho ontem, com a prisão em flagrante do suspeito, o músico Neicivaldo de Sousa Ferreira, 37, por crime previsto no artigo 241-B do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA): “Adquirir, possuir ou armazenar, por qualquer meio, fotografia, vídeo ou outra forma de registro que contenha cena de sexo explícito ou pornográfica envolvendo criança ou adolescente”. A pena prevista em caso de condenação é de reclusão de um a quatro anos.
.
A investigação partiu da denúncia do pai de uma das crianças, que teve acesso as cenas íntimas da sua filha gravadas pelo acusado em seu celular.  Segundo informou um dos policiais que trabalhou na investigação, a denúncia dizia que Ney, como o músico é conhecido no município, tinha armazenado em seu celular imagens e vídeo de partes íntimas de algumas crianças. “Acidentalmente o pai de uma das vítimas viu as cenas no aparelho dele”, destacou o agente.
.
De imediato após o relato do pai, a delegada Darlinda de Moura expediu ordem de missão aos agentes do setor de operação da delegacia, para investigar o caso e localizar o músico a fim de confirmar ou não a grave denúncia. Quando os policiais encontraram Ney e tiveram acesso ao seu celular, ocasião em que também encontraram vários vídeos com crianças do sexo feminino armazenadas no aparelho. “As imagens estão sempre voltadas para as partes íntimas das garotas, e em algumas situações percebe-se que as vítimas nem mesmo perceberam que estavam sendo filmadas ou fotografadas”, disse um dos policiais que conversou com Folha.
.
Depois Ney seguiu com os policiais até sua casa, no bairro Novo Horizonte, na sede de Rorainópolis e no local foram encontrados vários DVD’s com cenas de filmes eróticos. Também um pen drive contendo vídeo com cena de sexo explícito envolvendo crianças e adolescentes.   
.
Em seguida, o músico foi levado para a delegacia, onde acabou autuado em flagrante e ao ser interrogado pela delegada negou o crime. À tarde ao final do procedimento policial ele foi levado pela equipe policial para a Cadeia Pública Masculina do Município de São Luiz do Anauá, onde deve ficar à disposição da comarca judiciária de Rorainópolis. 

2 comentários: